sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Cogitare de lana sua?

"Wir kommen nie zu Gedanken. Sie kommen zu uns."
(Martin Heidegger) 
 
O ideal que continua idéia
no coração de um homem
brada como morto animal,
vaga na alcatéia de polén
infértil da mente infernal
 
do mendigo de fortunas,
do sepultador das urnas
vazias do ímpio mistério
de perguntar a afirmação
daquilo que apenas se vê
ao mirar a retina do cego.
 
Pensar é todo dia degolar
de Noé seu último pombo
e trocá-lo por velha coruja
odiada no vermelho limbo

do Olimpo que o céu suja.

Nenhum comentário: