sábado, 16 de maio de 2015

-- Sem título XI --


O castelo, pedra após pedra, ruiu:
já não existe o muro e a muralha.
O palácio, ouro após louro, caiu:
o mármore é agora dos reis a mortalha. 
Soviético vermelho é a púrpura imperial
&
o arminho ducal o mujique velho aquece.
Tu, porém, rija continuas, antiga catedral.
És Igreja. Nada te fará a porta infernal.
Da besta a fria carne estirada permanece.
Христос воскрес! Воистину воскрес!

Nenhum comentário: