sábado, 11 de julho de 2015

Telecegueira Moderna

Houve dias em que nós nos sentávamos diante de uma tela e ela não nos lobotomizava. Houve dias em que nossos olhos faiscantes de êxtase iluminavam a tela, e não o contrário -- quando refletores de energia nos cegam as córneas e nos alienam o espírito. Tela que o homem artisticamente fazia, não tela que arquitetava o homem. 

Nenhum comentário: