domingo, 8 de maio de 2016

Cinco nanocontos -- I

Proprietário da maior rede de supermercados do continente, por compaixão enchia seus estoques comprando nas pequenas vendas das aldeias interioranas.

O velho rabino cantava Hava Nagila enquanto os soldados aqueciam, outra vez, a fornalha ardente de Nabucodonosor. Auschwitz, 1944.

Amarraram Sansão, o cachorro brutamontes, numa das pernas da principal mesa de bilhar do cassino. O cheiro de rosbife que vinha da cozinha do restaurante Paradise...

O infante João, filho de Maria a Louca, amasiou-se com Joaquina, a filha sem infância de Tiradentes. Nasceu, sintetizado, Pedro I.

Para fazer o sinal da cruz sem que os guardas percebessem, durante meia hora espreguiçava-se, coçando vagarosamente a fronte, o peito e os ombros da esquerda para a direita. Kolyma, 1946. 

Nenhum comentário: